As Terapias Naturais, Holísticas e Complementares (integrativas) vem ganhando muito espaço em todo o mundo. É normal e muito comum pessoas falarem que praticam o reiki, a meditação, yoga, etc.

O que ocorre é que a medicina convencional, halopática não é abrangente no sentido de tratar o ser humano como um todo e é isso o que as pessoas procuram nas terapias complementares, mais comumente chamadas de terapias holísticas e ou terapias naturais.

Se por um lado estas técnicas não tem tanta comprovação científica, podemos reparar que as pessoas estão bem mais satisfeitas com este tipo de prática do que com o uso excessivo de remédios e também com o mal estar causado do efeito colateral destes remédios.

O Reiki, e as técnicas brandas tiveram um aumento próximo de 500% nos últimos anos, o que é uma prova da sua eficácia, pois mesmo não tendo comprovação científica já é considerado uma profissão em muitos lugares, e, aqui no Brasil é inclusive reconhecida pelo Ministério do Trabalho, o qual lhe atribuiu um Código no CBO e CNAE, onde o profissionais dessa área inclusive podem pagar INSS e aposentar-se futuramente.

Existem muitos tesouros naturais que Deus nos proporciona, entre eles a luz do sol, os sons, a música, as frutas, oslegumes, água pura etc.

Cremos que assim como recursos da medicina halopática vieram para curar nossas doenças, as Terapias Naturais, Holísticas e Complementares vieram para previnir as doenças, pois elas nos ensinam através de práticas milenares, a vivermos em harmonia, viver e equilibrar nossa natureza interna com a natureza externa.

Não é necessário que uma diminua a outra; Pelo contrário, eles formam um complemento perfeito. Por isso sempre salientamos que Terapias Naturais e Holísticas não tratam doenças, quem trata doença é a medicina convencional, halopática.

As Terapias Holísticas, Naturais e Complementares tratam a pessoa, buscam gerar a harmonia interna, energética da pessoa, como um todo, holisticamente.

Atenciosamente,

Candido Bertinatto
Diretor
Instituto Terceira Visão